Back to basics

Tem se percebido que algumas empresas e seus novos logotipos ou até mesmo empresas nos quais os logotipos passaram por um processo de rebrainding estão se tornando mais limpos e mais simples. Alguns seguem os princípios de design do Estilo Internacional Suiço que dita que “a forma segue a função” onde qualquer ornamento que não tiver a sua relevância clara e objetiva se torna dispensável.

Dentro desta ótica a Microsoft vem desenvolvendo a interface Metro e agora lança sua nova marca para o Windows 8. Os efeitos 3D, transparências e outros artifícios gráficos (alguns bem típicos de sua época de lançamento) deram lugar a uma linguagem universal, clara e objetiva.

Segundo Sam Moreau – Diretor de Experiência do Usuário para o Windows – “O Windows 8 é uma reimaginação completa do sistema Windows, por isso nada foi deixado de lado, incluindo o logotipo. O logo do Windows tem força e é largamente reconhecido, mas percebemos que o novo logotipo deveria refletir o novo estilo da interface Metro e também seria uma oportunidade de reconectar com as características poderosas das suas encarnações passadas”.

Mas apesar de sua aparente simplicidade basta olharmos uma simples aplicação em transição do novo logotipo que percebemos a sua funcionalidade e sua importância dentro de um projeto de interação mais amplo com o consumidor. Um projeto de nível mundial e que abrangerá vários meios e substratos, deve primar em sua essência pela simplicidade como base de raciocínio, só assim a uniformidade estará plenamente garantida em todos os níveis que o novo logotipo irá atuar.

Durante o processo com a Pentagram a Microsoft reconheceu que o logotipo original foi sendo o reflexo que os consumidores imaginavam a cada novo sistema lançado: mais poderoso e com mais recursos.

Agora, ao tirar os excessos a Microsoft rompe com este raciocínio e acredito que a nova cara do Windows 8 nos remeta realmente ao básico.

O computador é apenas uma ferramenta e cabe a imaginação de cada um qual janela deve ser aberta.

Sobre Mauricio Andreoli

Ex-goleiro, ex-solteiro convicto, um Diretor de Arte que precisa voltar a desenhar e um cozinheiro que precisa emagrecer. Enfim... um cara normal que tem alguns amigos, muitos conhecidos e nenhum inimigo. Já é uma vantagem!

Publicado em 26 de fevereiro de 2012, em Trampo e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

O que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: